Dos perrengues e da saúde mental

Olha, vou deixar desde o início da conversa que a ideia de saudável aqui é diferente daquela quem tem exames de rotina em ordem, que segue receitas de bem estar e de vem viver.

Começar o texto com perrengues foi uma escolha estratégica para falar em saúde. Viver é/contém perrengues.

Sentir o caos, a confusão, ansiedade é adaptativo. Há uma relação estabelecida entre os acontecimentos da nossa vida, o nosso corpo, nossa história e nossa reação a esse encontro são os afetos e as atitudes que tomamos diante desses afetos, não dos acontecimentos. E isso muitas vezes acontece em meio ao que chamamos “perrengue”:

Uma vida saudável passa por perrengues. Resolver problemas, passar por problemas, sentir revirado, revoltado, no caos, na santa paz. E começar tudo de novo de novo. Essa é a medida de saúde mental em discussão aqui, nossa habilidade de continuar, de lidar, de pedir ajuda, aceitar ajuda, nos adaptar ao que se coloca pra gente.

O que fazemos com o isso que nos acontece em parte sofre influência da nossa escolha, mas é sempre circunscrito pelo repertório do possível. Então, quando falamos de saúde mental diante dos perrengues é entender a saúde como processo de afirmação do que está vivo na gente, articular encontros que ampliem nossa capacidade de agir e criar vida nesses encontros.

Tenho percebido a gente cansado, desesperançado, sem muita coragem ou energia pra fazer da vida cotidiana algo mais próximo do que desejamos e do que nos faz sentir bem. Como se fôssemos capturados, hipnotizados por falas, comportamentos, valores e jeitos de viver que turvam nossa visão e nos seduzem. Aparentemente isso nos dá prazer, mas não produz prazer, não nos deixa capazes de criar relações potentes. Ao contrário somos impelidos a comprar prazer, emprestar prazer, nos empoderar do prazer do outro. E fazemos isso para não passar por perrengues…

Publicado em
Categorizado como Saúde Psíquica

Por Fernanda de Sousa Vieira

Mestre e Doutora em Psicologia pela FFCLRP- USP Psicóloga Clínica - CRP 06/101877 Especialização em Sexualidade Humana pelo PROSEX-FMUSP, Formação em Terapia Cognitivo-Comportamental pelo CETCC, Personal and Self Coach pelo IBC Formação em Esquizoanálise pela Escola Nômade de Filosofia www.bravepsico.com Siga no Facebook e Instagram @bebravepsico e no LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/fernanda-vieira-20a910b1

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: