Psicoterapia

Tradicionalmente as pessoas conhecem o trabalho do psicólogo por meio da Psicoterapia. Outros profissionais também podem ser habilitados para oferecer psicoterapia como, por exemplo, psiquiatras ou psicanalistas.

O processo de Psicoterapia é um trabalho de médio e longo prazo onde paciente e psicoterapeuta constroem uma relação profissional que é orientada pelas demandas e necessidades do paciente.

Muitas pessoas que acreditam que uma conversa informal com um psicólogo pode ser terapêutica. Alguns acreditam que nem precisa ser psicólogo para ter efeitos transformadores no nosso dia. Realmente! Algumas conversas que temos com algumas pessoas, alguns encontros, alguns conselhos e falas de pessoas significativas para nós podem mesmo ter efeito terapêutico!

Além desses momentos, por vezes encontramos em nós mesmos a resposta para perguntas que nos deixam angustiados. Muitas vezes, inclusive dizemos que foi melhor do que uma psicoterapia seria. Sim. Mas não é sobre isso que se trata a Psicoterapia.

Psicoterapia não acontece em uma conversa. É um processo no qual mergulhamos junto com nosso psicoterapeuta para dentro de nós mesmos e isso demanda tempo. Nem sempre é gostoso ou indolor, confesso. No começo nem sabemos onde estamos indo. Nos perdemos e nos encontramos com nossa humanidade e nela nos encontramos conosco mesmos.

E sem nos darmos conta, aquela situação que antes nos afligia passa a ficar mais clara e conseguimos paulatinamente enfrentá-la. Conseguimos dizer coisas que gostaríamos de dizer e fazer coisas que gostaríamos que fossem feitas. Muitas vezes, e eu escuto isso muito, parece que “veio do nada” um novo jeito de lidar com nosso cotidiano. “Do nada”, não, foi construído no processo da Psicoterapia!

Como uma planta é semeada e regada em solo fértil, esse é o trabalho do psicoterapeuta: fazer uma semente de coragem, confiança em si mesmo e aceitação de sim mesmo germinar, crescer e florescer. Nesse processo somos tomados por um novo eu, meio-novo, meio-velho, revigorado.

É isso que o processo de Psicoterapia faz isso com a gente! E nesse processo é preciso coragem, sua e do psicoterapeuta em lidarem juntos com as dificuldades e comunicá-las, traçando novas rotas e estratégias de enfrentamento.